Há algum tempo pessoas próximas sentiam-se à vontade e me pediam para investir num nome para as cervejas que faço. Oficina e Ofício sempre identificou minhas levas, porque é o nome fantasia da minha empresa individual. A questão da identidade parece mesmo importante, até para coisas.

Essa etapa, onde nomino as receitas e já completa mais de um ano, é um complemento do trabalho. O sobrenome continua o mesmo, a produção apenas se aperfeiçoa consoante minha capacidade, por isso o nome dela completo é Pretensiosa da Oficina e Ofício.

É comum no meio cervejeiro artesanal que os produtores deem nomes próprios às suas criações. Copiei a ideia e gostei da brincadeira, encontrei receitas que melhorei durante um ano e pouco de atividade, lancei minha primeira cerveja com certidão de nascimento.

PRETENSIOSA

A primeira cerveja da Oficina e Ofício com nome próprio. Escolhi aquela que foi inspirada nas cervejas de duplo malte, também chamadas de Dubbel. Em garrafinha estilo caçulinha, com 300ml, é ainda do tempo em que o rótulo, produzido em casa, rústico, ainda era feito com papel branco.