Pessoas,

Para todos que não gostaram da minha existência nesse ano… Fodam-se!

Para todos que existiram sem mim… Parabéns!

Para todos que beberam um pouco da água que bebi… Que o amor nos consuma em 2012!

Fernando Malheiros Dal Berto